INSIGHTS

Aqui você encontra um rico debate sobre assuntos ligados a gestão de risco, gestão de crise, gerenciamento de crises, crise nas redes sociais e cases de crises, no quais podemos aprender muito

| Por:

Gestão de crise: a importância da comunicação interna

A comunicação interna deve estar presente em todas as áreas e processos de uma empresa. É por meio dela que é conduzido o alinhamento interno, construída a cultura organizacional. É ela que motiva os funcionários e torna o ambiente mais agradável, produtivo e saudável. Além disso, é a comunicação interna que mantém a estrutura da empresa na linha em momentos de crise.

Qualquer tipo de crise, seja administrativa, financeira ou de imagem, gera um desconforto na equipe, desmotiva e cria espaços para ruídos e disseminação de informações incorretas, que podem ampliar ainda mais os prejuízos.

Porém, a comunicação interna por si só não é milagreira. É preciso ter planejamento, direcionamento e inovação, constantemente e não apenas quando surgir uma crise.

10 coisas que a comunicação interna faz na gestão de crise

1. Elaborar uma auditoria de vulnerabilidade para se antecipar às crises;

2. Criar uma equipe de comunicação de crise que envolve profissionais de todas as áreas e influenciadores da empresa;

3. Identificar quem são os porta-vozes e assegurar que serão fontes oficiais;

4. Treinar os porta-vozes para que passem informações de forma adequada e não caiam em pegadinhas nas entrevistas;

5. Ter ferramentas de comunicação eficazes para notificar os colaboradores e monitorar o recebimento da informação;

6. Identificar e conhecer os stakeholders externos;

7. Comunicar sempre as tomadas de ações: antes, durante e depois;

8. Avaliar a situação de crise para saber quais serão os próximos passos;

9. Segmentar e adaptar as mensagens

10. Analisar os dados pós-crise e absorver o aprendizado.

Qualquer obstáculo cria um novo cenário dentro da empresa, onde é possível identificar as fraquezas, os pontos fortes, novas oportunidades, algum talento que estava escondido, além de melhorar processos e reduzir custos.

A comunicação interna é fundamental no processo de gestão de crise, por meio das ações estratégicas que listamos acima, é possível minimizar impactos negativos, melhorar o fluxo de informações facilitando o diálogo institucional.

Quer entender como aplicar a comunicação interna na gestão de crise? Venha tomar um café com a gente!